terça-feira, 22 de setembro de 2009

Curriculun Vitae




Área de Interesse:



Atividades Docentes em Áreas Pedagógicas Português Produção e Interpretação de Texto e Literaturas, Supervisão de Séries iniciais, Supervisão de Educação de Jovens e Adultos, Orientação Educacional, Administração Escolar, Educação Inclusiva, Informática Educativa, Aplicação de Projeto de Aprendizagem Ambientes em informatizados, Uso das Tecnologias da Informação e Comunicação, Metodologia da Pesquisa, Contação de História e produção Parágrafo Dinámicas e Criação de forma interdisciplinar.

Experiência em Palestras Parágrafo anterior Formação de Professores

1-Relato de Experiência do Projeto Ecologia n Escolas Municipais nenhuma Seminário Nacional de Ecologia, Urbanismo, Meio Ambiente e Saúde
2 -Interdisciplinaridade n Supervisoras Municipais das Escolas
3 Relações Interpessoais Parágrafo professores sem Trabalho
4-Sistemas de Avaliação, Supervisoras Parágrafo
5 Informações Sobre a Organização da Educação de Jovens e Adultos n. Secretaria Municipal de Educação e Assessoramento Pedagógico
Jovens Adultos 6 e de Educação: Uma Experiência Concreta n alunas da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS),
7-Relato de Experiências da Educação de Jovens e Adultos, parágrafo alunas de Pedagogia da Universidade Caxias de Sul (UCS), Campus de Vacaria
8-Parâmetros Curriculares Nacionais - 2001; Como Adaptar-se à Mudanças (softwares livro Quem Mexeu Antigos softwares antigos Baseado Meu Queijo) - 2002; Pedagógica Avaliação e Avaliação de Desempenho do Magistério Público Municipal - 2003; Como Vencer nd Vida Sendo Professor (livro Baseado Antigos softwares de Hamilton Werneck) - 2004; Normas de Elaboração e revisão do Regimento Escolar de 2005, para para dinamizar professores Conquistar d
9 Sonhos e Metas Projetos Não, eu º Seminário de Vivências Parágrafo alunos da Educação de Jovens e Adultos
10-Compromisso Profissional, Professores N
11 Dinámicas No processo de Aprendizagem em Sala de Aula s
Teorias da 12 Aprendizagem, E Metodologias Plano Político Pedagógico, professores n
13 - Encantar Ensinar Aprender, professores n
14 - Práticas e Metodológicas Projetos aplicados em sala de aula com alunos da Educação de Jovens e Adultos - Para alunas de Pedagogia -UCS -
15 - Divulgação dos Livros Para Ler e Ver emocionar Sentir I e II ª Feira Municipal de Bom Jesus -
Aprender 16 - Oficina Ensinar »e Encantar" (Livros Divulgação dos "Sentir Ver Para Ler e emocionar I e II" - I Seminário Interinstitucional de Educação UCS & UERGS e IV Colóquio de Integração AcadêmicoComunitário Científico -
17 - "Sonhos e Projetos"Alunos com bate papo, e Divulgação dos Livros Para Ler e Ver emocionar Sentir - Feira Municipal do Livro - São Marcos - alunos do Ensino Médio n º -
Jovens 18 º - Oficina "A Arte de Alfabetizar e Adultos" Inclusão "- Professores Alfabetizadores Não envolvidas Projeto Alfabetiza Rio Grande, e alunas de Pedagogia iniciais Série e Educação de Jovens e Adultos - UERGS
19 - Abertura do ano letivo de 2006, parágrafo professores da EE de Ensino Fundamental e Médio
20 - Oficina "Interdisciplinaridade Através de Histórias Mágicas "
Para a alunas de Pedagogia, da UCS - Campus de Vacaria-Seminário de Pedagogia
b-Para professores da E. E. Vitória Quintella da Silva LY M. e E. Nabor Moura de Azevedo;
c-Para professores da Rede Municipal de Ipê e professores da E. E. de Ensino Médio CASSEMIRO Zafonatto e alunas do Magistério da eede Ensino Médio Frei Vargas de Bom Jesus -
d-alunas e professores - Seminário de Pedagogia - UERGS - Unidade Vacaria -
21 º - Oficina de Produção de textos e Uma contextualização Histórias de professores nd Alfabetização de Jovens e Adultos - Fazer Pará Projeto Alfabetiza Rio Grande
23 - Oficina de Produção de Texto para Educação de Jovens e Adultos de forma Interdisciplinar Parágrafo professores da Rede estadual dos municípios de Vacaria, Ipê, E Esmeralda Para muitos Capões, Pela UCS

24 - Abertura do Ano Letivo Parágrafo DE 2007 professores da Rede Estadual e Municipal de Bom Jesus-RS com o tema Motivação e Auto-estima: Viver Aqui e Agora;
25 - Relato de Experiência no III Seminário Nacional de Tecnologia em Educação nd Caxias do Sul-RS 9 e 10 de novembro de 2007, Pela Universidade de Caxias do Sul, com o tema "o encanto Pela Produção textual em ambiente informatizado"
26 - Encontro de formadores de Inclusão Digital promovido Pelo MEC (EAD) Em Brasília de 10,11,12 junho OS ESTADOS Entre do Rio Grande do Sul, Bahia, Amazonas, Mato Grosso do Sul, Pará, Pernambuco, Acre, Alagoas e Piauí
27 - Participação do Encontro de formadores do Curso Tecnologias na Educação: Ensinando e Aprendendo UM COM TICs Pelo promovido MEC em Florianópolis Nos dias 10, 11 e 12 de setembro de 2008, Região Sul SC, PR, RS;
28 - Relato de Experiência não Seminário promovido Pela CATE /PROINFO em POA 08 e 09 de outubro de 2008, Sobre o Trabalho realizado nd formação de professores Não USO das Tecnologias e Inclusão digital;
29 - Experiência nd formação de professores em áreas de Tecnologias PoDE Ser comprovado Pelo Endereço eletrônico http://usodastics-ntevacaria.pbwoks.com, com manejo Na criação de paginas educativas e blogs Nosso Endereço do blog do Curso de Psicopedagogia Clínica e Institucional Em Vacaria /RS http://psicovacaria.blogspot.com
30 Curso Aluno Monitor da Microsoft do Brasil Como aluna e posteriormente Como tutora de 40 alunos em Vacaria, Modalidade EAD Encerramento com encerrado em de julho de 2009, com Aprovação em de 37 alunos
31 - formadora de Uma turma com 20 professores em Encerramento julho 2009. Ensinando e Aprendendo Curso UM COM TIC- Parágrafo 100h Professores. Proinfo Integrado.
32 - formadora de 05 turmas em Encerramento outubro 2009 Curso de Inclusão Digital Parágrafo professores. Proinfo Integrado em Pinhal da Serra e Vacaria.
32 - Oficina "Todos Pela Educação» fevereiro de n º 2.009 professores municipais de Campestre da Serra en º Orientação Pedagógica SMEC e escolas de Campestre da Serra de janeiro à maio de 2009.
32 - Professora de Metodologia da Pesquisa do CENSUPEG(Dadas Aulas em Anita Garibaldi/SC , Vacaria e n. º Convite atuar em Lageado). www.censupeg.com.br 2009/2010
33 - Professora da Disciplina Contação História n º de turmas de Pós-Graduação, em Educação Infantil Séries Inicias, Anita Garibaldi/SC Pelo Centro Sul - Brasileiro de Extensão e Pós-Graduação de Joinvile/SC, De 2010.
34 - Formação Parágrafo professores da Rede Estadual DOS Curso Ensinando e Aprendendo com hum TICs, E Parágrafo Inclusão digital de professores da Região
abrangência da 23 ª CRE, De 2010.
35 - Formação de professores municipais de Vacaria, Inclusão Digital 2010.
36 - Tutora de alunos de Ensino médio Curso de Redes CCNA - Cisco Networkin Academia- 2010.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não Deu Certo e Agora?

Reforma Ortografica - Recebido por email desconheço o autor

Nos nossos sete, oito e nove anos tínhamos que fazer aqueles malditos ditados que as professoras se orgulhavam de leccionar. A partir do terceiro erro de cada texto, tínhamos que corrigir 20 e 30 vezes cada erro e que aquecer as mãos para as dar à palmatória. E levávamos reguadas com erros destes: "ação", "ator", "fato" ("facto"), "tato" ("tacto"), "fatura", " reação", etc, etc...

Mas, afinal de onde vem a origem da nossa Língua? Do Latim!! E desta, derivam muitas outras línguas da Europa. Até no Inglês, a maior parte das palavras derivam do latim.

Então, vejam alguns exemplos:

Em Latim

Em Francês

Em Espanhol

Em Inglês

Até em Alemão, reparem:

Velho Português (o que desleixámos)

O novo Português (o importado do Brasil)

Actor

Acteur

Actor

Actor

Akteur

Actor

Ator

Factor

Facteur

Factor

Factor

Faktor

Factor

bFator

Tact

Tacto

Tact

Takt

Tacto

Tato

Reactor

Réacteur

Reactor

Reactor

Reaktor

Reactor

Reator

Sector

Secteur

Sector

Sector

Sektor

Sector

Setor

Protector

Protecteur

Protector

Protector

Protektor

Protector

Protetor

Selection

Seléction

Seleccion

Selection

Selecção

Seleção

Exacte

Exacta

Exact

Exacto

Exato

Except

Excepto

Exceto

Baptismus

Baptême

Baptism

Baptismo

Batismo

Exception

Excepción

Exception

Excepção

Exceção

Optimum

Óptimo

Ótimo

Conclusão: na maior parte dos casos, as consoantes mudas das palavras destas línguas europeias mantiveram-se tal como se escrevia originalmente.

Mais um crime na Cultura Portuguesa e, desta vez, provocada pelos nossos intelectuais da Lingua de Camões.



Natal todo dia- Roupa nova - Edição Lorena Lisboa

Sonho Impossivel

É Urgente Reeducar